Fluminense aplica goleada histórica no Oriente Petrolero, mas dá adeus à Copa Sul-Americana




Germán Cano (Foto: Marcelo Gonçalves / Fluminense F.C.)



O sonho de conquistar uma competição continental foi adiado para 2023. Na noite desta quinta-feira (26), o Fluminense goleou o Oriente Petrolero por 10 a 1 (maior goleada da história da Sul-Americana), Estádio El Tahuichi, em Santa Cruz de La Sierra, pela última rodada do grupo H da Copa Sul-Americana. Apesar do placar expressivo, o Tricolor está eliminado, pois o Unión Santa Fe venceu o Junior Barranquilla por 4 a 0 e ficou com a vaga do grupo.

O Fluminense entrou em campo determinado a cumprir sua obrigação na busca pela classificação. Com mais volume de jogo e contundente no ataque, o Tricolor abriu o placar com menos de 30 segundos de jogo, com Matheus Martins, que ainda marcou novamente aos 39. Cano fez o “L” em duas oportunidades, Arias e Caio Paulista completaram o placar. Sebastián Álvarez diminuiu para o Oriente Petrolero.

No segundo tempo, o Fluminense seguiu dominando o Oriente Petrolero e fazendo mais gols. Matheus Martins, Cano, Manoel e Willian Bigode ampliaram o placar. O time cumpriu com a obrigação, mas não conseguiu avançar às oitavas de final, entretanto, os jogadores entrarão embalados para encarar o Flamengo no próximo domingo, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro.

Clique aqui e realize a sua inscrição no nosso canal do YouTube!

Acompanhe a cobertura pós-jogo com notícias, entrevistas, vídeo com os melhores momentos, notas das atuações e muito mais. Fique ligado(a) no canal com a cara da arquibancada verde, branca e grená!

Clique aqui e veja a lista com as últimas notícias do Fluzão!



Por Explosão Tricolor

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE