Fluminense pode viajar para Montevidéu com apenas três atacantes




Foto: Lucas Merçon / FFC



Ataque vira dor de cabeça para a batalha de Montevidéu

Com sete atacantes inscritos na Copa Sul-Americana, o Fluminense corre o sério risco de embarcar para Montevidéu com apenas três opções para o setor. O Tricolor enfrentará o Peñarol-URU, na próxima terça-feira (23), às 21h30 (de Brasília), no Estádio Campeón del Siglo. O duelo será válido pelas oitavas de final da competição continental.

Primeiramente, na lista de inscritos, consta Marcos Calazans, que já deixou o clube para atuar pelo São Paulo. Artilheiro da equipe em 2019, Luciano está próximo de acertar sua saída, inclusive, o atacante nem tem atuado mais pelo Tricolor.

Já o jovem João Pedro virou dúvida após a derrota para o Vasco da Gama. A revelação tricolor levou um pisão no pé direito e deixou São Januário utilizando uma bota de proteção. Com relação ao atacante Yony González, o colombiano foi vetado do clássico por conta de dores musculares na coxa esquerda. Sendo assim, os dois são dúvidas para o decisivo confronto contra o Penãrol-URU.

Diante de todo o cenário exposto acima, apenas três atacantes estão à disposição do técnico Fernando Diniz neste momento: Pedro, Marcos Paulo e Pablo Dyego.

Clique aqui e veja a lista de inscritos do Fluminense para as oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Setor de criação conta com apenas duas opções

O setor de criação do meio de campo também está com poucas opções para as oitavas de final da Copa Sul-Americana. Apenas Paulo Henrique Ganso e Daniel estão inscritos.

Clique aqui e veja a lista com as últimas notícias do Fluzão!



Por Explosão Tricolor

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE