Jornalista boliviano aponta ponto fraco da Oriente Petrolero






Adversário de estreia do Fluminense na Copa Sul-Americana, o Oriente Petrolero, da Bolívia, chega com uma dúvida na escalação: Roca e Ayrton Paz disputam a titularidade na lateral esquerda. Segundo o jornalista boliviano Quico Birbuet, essa dúvida pode ser um dos pontos fracos da equipe. Para ele, o time vai tentar se defender e sair e velocidade nos contra-ataques.

– Acredito que a fragilidade que o Oriente Petrolero apresenta pode ser por conta da lateral esquerda. Sánchez (técnico) ainda não encontrou o homem certo e o titular permanente. Creio que o Oriente Petrolero vai pro jogo para se defender, com uma equipe bastante defensiva, tentando sair com rapidez com Dorrego e Facundo Suárez – disse Birbuet.

Os bolivianos desembarcam no Rio de Janeiro para o primeiro duelo entre as equipes na história, no Maracanã. Mas jogar fora de casa pode não ser um problema tão grande para os “refineros”, de acordo com o jornalista boliviano Hery Antonio Herrera Benitez, da Radio Alternativa.

– O ponto forte é que é uma equipe que tem muita envergadura jogando como visitante. Em casa, muitas vezes vacila devido à pressão que tem a torcida – disse o jornalista.

Fluminense e Oriente Petrolero estreiam na Copa Sul-Americana na quarta-feira, às 19h15 (de Brasília), no Maracanã.

Clique aqui e veja a lista com as últimas notícias do Fluzão!



Por Explosão Tricolor / Fonte: GE

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE