Mário Bittencourt consegue efeito suspensivo no TJD-RJ




O vice-presidente de futebol do Fluminense, Mário Bittencourt, obteve hoje um efeito suspensivo no TJD-RJ da punição de 15 dias e multa R$ 8 mil que havia recebido. O dirigente havia sido acusado de ter se recusado a deixar um local próximo ao campo durante a partida entre Fluminense e Nova Iguaçu na segunda rodada do Carioca.

Um novo julgamento será marcado. O artigo 258 prevê punição para quem “assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva”. Já o 258-B pune quem “invadir local destinado à equipe de arbitragem ou o local da partida.

Por: Explosão Tricolor / Fonte: globoesporte.com

PUBLICIDADE