Mário Bittencourt se posiciona sobre o futuro de Fernando Diniz à frente do comando técnico do Fluminense




FOTO DE MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC



Mário Bittencourt banca Fernando Diniz

No último sábado, logo após o anúncio do resultado da eleição presidencial, Celso Barro, vice geral do Fluminense, declarou que o trabalho do técnico Fernando Diniz era inovador, mas que futebol é resultado. A declaração não repercutiu bem na torcida tricolor.

Em entrevista concedida logo após a posse, Mário Bittencourt elogiou bastante o Fernando Diniz e garantiu que a avaliação de seu trabalho não irá se resumir aos resultados.

– Ele será o treinador. Já falamos isso algumas vezes, e é importante até deixar bem claro: tanto eu quanto o Celso, quando a gente fala em avaliar o trabalho, estamos falando de profissionalismo. Óbvio que tem que avaliar trabalho. Mas avaliar não significa que vai mexer. Ele é muito bom até aqui e será avaliado em todos os sentidos. Não é só na questão dos resultados. Se o resultado não vier mas o trabalho for bom, ele segue. Óbvio que sim. Os dois últimos jogos mostraram que o trabalho está se solidificando – disse o presidente.

Relembre a declaração de Celso Barros:

– O trabalho dele encanta, mas há uma verdade: não chegou à final do Estadual, caiu na Copa do Brasil, está na Sul-americana e perto do rebaixamento do Brasileiro. Ele terá tempo, é o técnico do Fluminense. Não temos dúvida disso – disse Celso Barros no último sábado.

Clique aqui e veja a lista com as últimas notícias do Fluzão!



Por Explosão Tricolor

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE