Notas das atuações: Fluminense 3×1 Nova Iguaçu






Comentários e notas das atuações

Marcos Felipe

Sem culpa no gol. No restante, praticamente não foi exigido. Nota: 5,0

Calegari

Iniciou a partida bem, mas caiu de produção com o restante do time na segunda metade da primeira etapa. Cresceu após o intervalo e ajudou na construção ofensiva pelo lado direito. Na marcação, esteve tranquilo. Nota: 7,0

Nino

Atuação bastante segura e com boas antecipações. Nota: 7,5

Luccas Claro

Assim como o seu companheiro de zaga, mostrou muita segurança e não teve grandes problemas. Nota: 7,5

Egídio

Apesar da fragilidade do adversário, que quase não atacou, o camisa seis tricolor não se deu bem. Errou quase todos os cruzamentos. Nota: 4,0

Wellington

Estranhamente, atuou de forma mais adiantada e não foi bem. Todo mundo imaginou que ele ficaria mais fixo à frente da zaga para liberar o Martinelli, mas não foi isso que aconteceu, em especial, no primeiro tempo. Vai entender a cabeça Roger Machado… Nota: 4,0

Martinelli

No primeiro tempo, ficou mais atrás. Após o intervalo, ganhou maior liberdade para encostar no ataque e, consequentemente, a transição melhorou. Nota: 7,0

Nenê

Nulo no primeiro tempo, cresceu na segunda etapa. Deu o passe para o Fred marcar o segundo gol do Fluminense e participou de outras ações ofensivas. Nota: 6,0

Kayky

O gol de placa, que foi uma obra de arte, dispensa comentários mais detalhados sobre a atuação, que mais uma vez foi boa. Moleque é brabo! Nota: 10,0

Luiz Henrique

Mostrou evolução no acabamento das jogadas, mas ainda precisa melhorar. Porém, não dá para negar o seu esforço com a sua intensa movimentação. Participou da jogada do gol do Fred. Nota: 6,0

Fred

Rondou a área do Nova Iguaçu o tempo todo, mas a bola só chegou redonda aos 17′ da segunda etapa e o capitão não perdoou. Marcou o seu gol de número 400. Nota: 6,5

Gabriel Teixeira

Entrou na segunda etapa e mais uma vez mostrou que pode ser bastante útil com o seu estilo de jogo. Ele vai pra dentro da mesmo do adversário sem medo de ser feliz. Só precisa ser menos afobado na finalização, mas é compreensível, pois deve estar doido para marcar o seu primeiro gol pelo profissional. Nota: 6,0

Yago Felipe

Entrou na segunda etapa. Ajudou na marcação, mas não apareceu com tanto destaque na armação das jogadas. Nota: 5,5

John Kennedy

Entrou na reta final e marcou o terceiro da vitória do Fluminense. Tem faro de artilheiro. Nota: 6,5

Lucca

Entrou na reta final e fez uma boa jogada pelo lado direito em que o marcador teve que pará-lo com uma falta quase dentro da área. No restante, mostrou empenho e disposição para buscar o jogo e participar de outras ações. Nota: 5,5

Caio Paulista

Entrou no finalzinho, mas deu tempo para participar da jogada do terceiro gol. Nota: 5,0

Roger Machado

O Fluminense venceu, mas deixou a desejar em seu jogo coletivo. A impressão que passa é a de que o time perdeu o bom padrão conquistado na época do Marcão. Faltando menos de duas semanas para a estreia na Libertadores, o sinal de alerta está ligado. Por enquanto, a individualidade do garoto Kayky e o faro de gol do veterano Fred está dando conta do recado no Carioca, mas na Libertadores o papo é outro… Nota: 5,0

Clique aqui e veja a lista com as últimas notícias do Fluzão!



Por Explosão Tricolor

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com 

PUBLICIDADE