O possível caminho para o Fluminense vencer o Independiente Santa Fe




Comemoração dos jogadores tricolores (Foto: Lucas Merçon / Fluminense F.C.)



Hoje é dia de Fluminense na Copa Libertadores da América! No meu imaginário, uma grande viagem. Esquenta pré-jogo com as redondezas do Maracanã lotadas de tricolores, cânticos, sinalizadores, cerveja voando para o alto, etc… Uma grande festa! Mas… vida que segue e a chama da fé de que tudo voltará ao normal se mantém acesa.

Sobre o duelo contra o Independiente Santa Fe, há um caminho interessante para o Tricolor buscar a vitória. Conforme o Explosão Tricolor noticiou no início da semana, a equipe colombiana não terá um lateral-esquerdo de ofício, pois as únicas duas opções do elenco estão lesionadas. Sendo assim, o técnico Harold Rivera terá que improvisar. Para aumentar o drama do Sante Fe, o zagueiro titular, que atua pelo lado esquerdo, está lesionado. Segundo a imprensa colombiana, o substituto é inexperiente e não inspira tanta confiança.

Considerando o cenário do lado esquerdo defensivo dos colombianos, o Fluminense tem um caminho muito interessante para explorar no jogo desta quarta. Ainda mais com o Kayky, que vem crescendo a cada jogo e é diferenciado.

Acredito numa vitória, mas todo cuidado é pouco. Na terça, alguns resultados dos outros grupos foram surpreendentes. Porém, o atual Fluminense possui uma pegada competitiva muito forte.

Para encerrar, seguem algumas observações:

1 – Arias e Osorio, que jogam abertos, são os mais perigosos do Santa Fe. No duelo lá na Colômbia, o primeiro deu muito trabalho, inclusive, durante o primeiro tempo, Luiz Henrique foi deslocado para o lado direito para poder auxiliar o Calegari na marcação.

2 – A defesa do Santa Fe completa já não inspira tanta confiança, sem o lado esquerdo titular… Acredito que seja jogo para o Fred se dar bem.

3 – Espero que o nervosismo apresentado no jogo contra o Junior Barranquilla não se repita. No Equador, até o Nenê estava tenso. Não dá para dar sopa para o azar, pois as arbitragens na Libertadores são bem problemáticas…

4 – Luiz Henrique vem desempenhando um papel tático importantíssimo, em especial, na recomposição. Não é nada fácil correr 70 metros para avançar e outros 70 para recompor. Detalhe: esse movimento é realizado por diversas vezes.

5 – Palpite: Fluminense 3×1 Independiente Santa Fe (Dois gols do Fred e um do Luccas Claro).

6 – Clique aqui e realize a sua inscrição no canal do Explosão Tricolor, no YouTube!

Forte abraço e ST!

Vinicius Toledo



Grupo D – Copa Libertadores (ative a rotação automática do celular para ver a tabela completa)

TIMES P J V E D GP GC SG %
1 Fluminense Fluminense 5 3 1 2 0 4 3 1 55
2 River Plate River Plate 5 3 1 2 0 3 2 1 55
3 Junior Barranquilla Junior Barranquilla 2 3 0 2 1 3 4 -1 22
4 Independiente Santa Fe Independiente Santa Fe 2 3 0 2 1 2 3 -1 22

Agenda tricolor na Copa Libertadores 2021

1ª rodada

22/04 – Quinta-feira – 19h – Fluminense 1 x 1 River Plate – Maracanã – Rio de Janeiro (RJ)

2ª rodada

28/04 – Quarta-feira – 21h – Independiente Santa Fé 1 x 2 Fluminense – Estádio Centenário de Armênia – Armênia (COL)

3ª rodada

06/05 – Quinta-feira – 21h – Junior Barranquilla 1 x 1 Fluminense – Estádio Monumental Isidro Romero Carbo – Guayaquil (EQU)

4ª rodada

12/05 – Quarta-feira  – 21h – Fluminense x Independiente Santa Fé – Maracanã – Rio de Janeiro (RJ)

5ª rodada

18/05 – Terça-feira  – 21h30 – Fluminense x Junior Barranquilla – Maracanã – Rio de Janeiro (RJ)

6ª rodada

25/05 – Terça-feira  – 19h15 – River Plate x Fluminense – Estádio Monumental de Núñez – Buenos Aires (ARG)

PUBLICIDADE