Uma inesquecível tarde de gala da torcida do Fluminense






Em outubro de 2007, o Fluminense já estava com a sua vida resolvida na temporada. Campeão da Copa do Brasil e um dos primeiros colocados do Campeonato Brasileiro, mas a rapaziada comandada pelo Renato Gaúcho jogou sério até o último jogo da temporada. A prova maior da seriedade daquele time foi que ele terminou no G-4 e, consequentemente, abriu uma vaga para o quinto colocado disputar a Libertadores de 2008.

Nos bastidores do clube e na arquibancada, o papo era apenas a disputa da Taça Libertadores da América 2008. Era tempo de felicidade e muita esperança! No dia 7 de outubro, um Fla-Flu prometia estremecer o Maracanã. Clássico decisivo, válido pela 30ª rodada do Brasileirão.

Do lado de fora do estádio, a antiga pista de skate, que ficava próxima da rampa do metrô, estava lotada. A galera da antiga Legião Tricolor agitava a massa com o lançamento de um nova música: “Anunciação Tricolor”. Me lembro como se fosse hoje, pois me meti no meio da bagunça e pulei junto com a massa (assista ao vídeo no final do texto – eu apareço de boné preto pulando e batendo palmas). De cara, senti que o novo hit seria eternizado pela torcida.

Na subida da rampa, uma energia pra lá de positiva e alguns sinais já escancarados de que a tarde daquele domingo prometia fortes emoções.

Em estado de graça, a torcida deu um dos maiores espetáculos já visto no Maracanã. Assim que o time pisou no gramado, o lado tricolor promoveu uma linda chuva de papel higiênico que logo depois veio acompanhada de vários sinalizadores e com o canto de “Fluminense eterno amor” lá nas alturas (assista ao vídeo no final do texto). Foi algo cinematográfico, emocionante e inesquecível! 

Com toda essa intensa energia verde, branca e grená, até o Sobrenatural de Almeida desistiu de entrar no estádio para atrapalhar a vida do Fluminense. Logo no primeiro minuto, Somália abriu o marcado com uma finalização de canela! E logo no início do segundo tempo, Thiago Neves fechou o caixão rubro-negro. A atuação do Fluminense foi grandiosa. Como bem disse o Renato Gaúcho (assista ao vídeo no final do texto), o Flamengo se livrou de levar uma goleada.

A vitória foi maiúscula, mas o que me marcou mesmo foi a atuação da torcida. Com quase quarenta anos de arquibancada, a tarde do dia 7 de outubro de 2007 foi uma das mais bonitas que já vi na história do Fluminense. Inesquecível, bota inesquecível nisso!

Forte abraço e ST!

Vinicius Toledo

– Esquenta com “Anunciação Tricolor”

– Entrada do time em campo

– Baú do Esporte



PUBLICIDADE