Análise do elenco do Fluminense




Depois de mais um ano de fiascos, o Fluminense já era para estar trabalhando forte para a próxima temporada, mas a diretoria sequer definiu se o Abel Braga realmente permanecerá no comando técnico da equipe tricolor. De qualquer forma, deixo a minha análise sobre o elenco e as necessidades de reforços.  

Goleiros 

Tentaria chegar a um acordo com o Diego Cavalieri e Júlio César para dispensá-los. Daria uma sondada na situação do Jéferson no Botafogo. Wilson, do Coritiba, também poderia ser uma boa alternativa. Além de uma contratação para a posição, testaria o Marcos Felipe e o Matheus nos jogos do Campeonato Carioca e Copa da Primeira Liga para avaliar se haveria necessidade de uma segunda contratação.

Laterais

Dois reforços para o lado direito, sendo que eu gostaria de ver o garoto Diogo para saber se tem condições de ser, no mínimo, um reserva imediato. Pelo lado esquerdo, apesar de muitos criticarem o Marlon, eu daria mais uma chance ao garoto. Com o histórico dele nas divisões de base e uma meia dúzia de boas atuações que ele teve, acho válido segurá-lo por mais uma temporada. Emprestaria o Mascarenhas e negociaria o Léo Pelé. Avaliaria o garoto Ayrton nos primeiros meses da temporada. Ele está retornando do Londrina. Seria válido tentar uma cara nova!

Zagueiros

Henrique, Reginaldo e Gum podem ficar. O restante… Rescisão, venda, empréstimo, etc… Precisamos de umas duas caras novas par o setor. Mas uma coisa precisa ficar bem clara: se a equipe toda não tiver aplicação tática para marcar e recompor, nem o Thiago Silva aguenta a pressão. Nos gols sofridos pelo alto, por exemplo, na época do Fred, víamos que o nosso ex-camisa nove sempre cortava diversas bolas no primeiro pau nos escanteios cobrados pelos nossos adversários. Nesta temporada, não vi o Henrique Dourado fazendo o mesmo. Obrigação do treinador acertar isso para, no mínimo, reduzir o perigo. 



Volantes

Pierre não renovará, Wendel deve ter sua venda anunciada nos próximos dias e Orejuela está negociando a sua saída. Sobre o Douglas, Richard, Marlon Freitas, Mateus Norton e Luiz Fernando. Precisaremos reforçar o setor. Da galera que está voltando de empréstimo, eu apostaria no Edson, que fez uma boa temporada com a camisa do Bahia.   

Meias

Não dá para imaginar o atual Fluminense sem o Gustavo Scarpa e Sornoza, mas caso a diretoria opte por vender o camisa dez, espero que consiga arrecadar uma boa grana para repor à altura. Dizem que o Palmeiras ainda está de olho nele. Um bom valor com mais um ou dois jogadores poderia ser uma boa. O atacante Roger Guedes seria um bom nome. No restante, acho que chegou a hora de acreditar no Danielzinho. Robert e Luquinhas podem ser liberados, emprestados… Mais um setor que precisaremos reforçar.  

Atacantes

Para o comando do ataque do Fluminense, só temos o Henrique Dourado. Apostaria no Pedro para a reserva, mas acho válido contratar algum reforço. Pelos lados do campo, Robinho terá que justificar os R$ 7 milhões investidos nele. Marcos Júnior é útil na composição do elenco. A grande incógnita é o Wellington Silva. Até quando ficará sem condições de jogo? Terá que operar? Em forma e livre do problema clínico, com certeza é titular absoluto. Levo fé no Matheus Alessandro e Marquinhos Calazans. Considerando a falta de grana, daria mais uma oportunidade ao Lucas Fernandes e apostaria na velocidade do Pablo Dyego, que retornará dos Estados Unidos. 

Saudações Tricolores!

Vinicius Toledo 

Siga-nos no Twitter e curta nossa página no Facebook

INSCREVA-SE no nosso canal do YouTube e acompanhe os nossos programas!

SEJA PARCEIRO DO EXPLOSÃO TRICOLOR! – Entre em contato através do e-mail: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE