De dar dó




Foto: Mailson Santana / Fluminense FC

Primeiramente, gostaria de exaltar os 8 mil heróis e heroínas da resistência tricolor.

Só mesmo o imenso amor dessa rapaziada pelo Fluminense para manter a pequena chama acesa de uma arquibancada cada vez mais sofrida.

Sobre o empate com o Vitória, em pleno Maracanã, não há como não ficar indignado.

Ninguém comentou antes, mas os jogadores que iniciaram a partida marcaram um total de 5 gols em 2018 com a camisa do Fluminense.

Até vi o time correndo atrás, tentando jogar, dominando totalmente o jogo, mas a ruindade de alguns jogadores acabou falando mais alto.

É zagueiro errando na saída de bola…

É volante que não consegue realizar uma transição…

É atacante de lado que sempre peca na última bola…

É centroavante que não sabe cabecear…

Complicado!

Junte ainda essa mediocridade técnica com o fato deles ainda estarem com os salários atrasados.

Dá para ser feliz nesse terrível cenário? Impossível!

Apesar de tudo, o Fluminense até merecia ter vencido a partida, mas como futebol é bola na rede, não adianta chorar.

Menos mal que a distância para a zona de rebaixamento tenha aumentado de 4 para 5 pontos.

Faltam entre 15 a 18 pontos.

E haja a benção João de Deus!

Por mais que a gestão do presidente Pedro Abad seja pavorosa, a torcida não pode desistir do Fluminense. Jamais!

Vinicius Toledo

Siga-nos no Twitter e curta nossa página no Facebook

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE