Em entrevista coletiva, Mário Bittencourt sai em defesa de Paulo Angioni: “É um profissional que gostamos muito”




Foto: Lucas Merçon / Fluminense F.C.



Mário Bittencourt minimizou o fato de Paulo Angioni dar poucas entrevistas

Alvo de críticas por parte da torcida tricolor, o diretor executivo de futebol do Fluminense, Paulo Angioni, segue contando com o respaldo do presidente Mário Bittencourt. Em entrevista coletiva concedida na manhã desta sexta-feira (17), o mandatário tricolor enalteceu o trabalho do dirigente. Segundo ele, Angioni “gera muita estabilidade” no clube.

– Ele é o diretor executivo de futebol do clube, chega aqui todos os dias às 7h da manhã, vai em todas as viagens com o time, decide junto com a comissão técnica o planejamento diário do futebol e exerce toda a função dele. As pessoas falam muito em profissionalismo e temos todo um modelo de futebol. O departamento tem um diretor executivo, scout, comissão técnica remunerados e não tem uma figura política, que é o vice de futebol, que alguns clubes têm e quase não ouço falar. Não diria que é uma figura decorativa, mas é uma figura política. O fato de ele falar ou não com a imprensa é uma opção dele, que opta mais pela discrição, sempre foi assim, tem mais de 40 anos de futebol. É um profissional que gostamos muito, que acreditamos no trabalho. A gente trabalha muito internamente aqui. O Paulo gera muita estabilidade. Porque ele é muito experiente. E no nosso país temos um defeito grave, que é menosprezar os cabelos brancos. Mas eu ouço muito as pessoas que estão nesse negócio há muitos anos. E é por isso que somos estáveis, pois temos um cara equilibrado, que está fazendo o trabalho dele. Eu, como presidente, atuo em todas as funções do clube. Não acumulo cargo no futebol. No fim das contas a responsabilidade é toda minha – disse Mário Bittencourt. 
– Em negociações de compra e venda, a parte técnica é decidida pela parte técnica, mas a parte financeira é discutida pelo presidente e pelos comitês financeiro e jurídico do clube. E trouxemos também um profissional para ajudar o Paulo Angioni no futebol, que é o Aníbal Rouxinol, que veio do Botafogo, que é um gerente jurídico específico do futebol hoje. Quando se tem que negociar os contratos vai o Aníbal. Mas todas as discussões de renovação é o Paulo que faz tudo – completou o presidente tricolor. 

Clique aqui e veja a lista com as últimas notícias do Fluzão!



Por Explosão Tricolor

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE