Hora de acender a chama verde, branca e grená




Foto: Vinicius Toledo / Explosão Tricolor

Ganhe 5% de desconto na Loja Virtual do Flu! Como? Utilize o código promocional no ato da compra: explosaotricolor



Hora de estremecer o Maraca

Andamos p…s da vida com o Fluminense nos últimos tempos. Na verdade, não é com a nossa amada Instituição. É com quem está à frente do comando dela e tem a péssima mania de brincar com a nossa paixão.

Falta de transparência, histórias esquisitas, valentes de teclado que se escondem nos camarotes do Maraca… Definitivamente, o Fluminense virou refém de uma política que envergonha e, principalmente, destrói os sonhos de uma torcida que não aguenta mais tanta sacanagem.

Enquanto isso, o futebol sangra sem parar. Não sabemos o que é comemorar um título importante desde o dia 11 de novembro de 2012. De lá para cá, só fiascos. Ok, o título da Primeira Liga, que ninguém liga, valeu pelo estádio lotado na final e a viagem que fizemos até Juiz de Fora.

Agora, o Fluminense luta para avançar às quartas de final da Copa Sul-Americana. O Maraca receberá um bom público e a festa promete emocionar de verdade. Não tenho dúvida de que o time seguirá na competição continental. Com todo respeito ao Deportivo Cuenca, mas não dá para não pensar numa grande vitória tricolor.

Confirmando a classificação, teremos o gigante Nacional, do Uruguai, pela frente. Pedreira das grandes, mas não vamos sofrer por antecipação. A hora é de curtir o momento. Não é todo dia que temos a chance de respirar a atmosfera de um jogo decisivo de competição continental.

Vamos cantar “A benção João de Deus”, “Essa noite teremos que ganhar”, “Desde que eu nasci” e tantos outros hits da nossa arquibancada. Mas na hora de cantar o hino, vamos estremecer o Maracanã e acender a chama verde, branca e grená para a América do Sul saber que o gigante está mais vivo do que nunca!

Vai à luta, Fluzão!

Saudações Tricolores!

Vinicius Toledo



PUBLICIDADE