Marcão, Luccas Claro, Luiz Henrique e Fred projetam o confronto decisivo contra o Atlético-MG




Marcão (Foto: Lucas Merçon / Fluminense F.C.)



Fluminense e Atlético-MG se enfrentam pelo segundo jogo das quartas de final da Copa do Brasil

Em entrevista concedida aos canais oficiais do Fluminense, Marcão, Luccas Claro, Luiz Henrique e Fred projetaram o duelo decisivo contra o Atlético-MG, nesta quarta-feira (15), às 19h (de Brasília), no Mineirão, pela volta das quartas de final da Copa do Brasil. Confira as falas abaixo:

Marcão

“Temos de ter a mesma disposição tática, o mesmo entendimento do jogo. Tenho a certeza que vamos com muita coragem, acreditando sempre. Se a gente colocar tudo o que a gente vem fazendo, temos boas chances de buscar essa classificação.”

Luccas Claro

“A expectativa é boa. Precisamos de uma vitória simples para levar a decisão para os pênaltis. Então não podemos nos desesperar e tentar buscar o resultado a qualquer custo. Temos que manter o nosso jogo, pois sabemos que vamos ter oportunidade de fazer gol. Então é preciso ter tranquilidade e consistência defensiva também. E quando a oportunidade aparecer, aproveitar para voltar para o jogo, para primeiramente tentar levar para a decisão por pênaltis e, é claro, se possível, fazer o segundo gol para buscar a classificação direta. Com certeza é possível e a gente acredita. Temos que manter nossa estratégia e nosso jogo, pois podemos voltar de Belo Horizonte classificados.”

Luiz Henrique

“Sabemos que vai ser um jogo muito difícil, mas nosso time vai com espírito de guerreiro, de lutar até o final. Temos que colocar nosso futebol em prática e jogar, nosso time merece muito essa classificação. Nossa vitória contra o São Paulo dá ainda mais confiança. Mas sabemos que esta partida vai ser muito difícil. Vamos fazer de tudo para sair com a vitória.”

Fred

“Estamos indo com esse pensamento, de dificuldades que vamos enfrentar. Um dos melhores times da América do Sul, tem jogado o melhor futebol. Estamos confiantes. Uma vitória simples nos coloca na briga com pênaltis. Uma com dois gols nos dá a classificação. E vamos fazer de tudo para ir buscar. Lembro de um fato bem marcante para nós aqui com a camisa do Fluminense. Em 2009, o Cruzeiro era um dos melhores times do campeonato, estava liderando, se não me engano, junto ao Corinthians. Fomos no Mineirão e todo mundo dava como certa a nossa derrota, fomos lá, saímos perdendo de 2 a 0 e viramos para 3 a 2. Esse é o nosso espírito. Não desistimos, lutamos até o final e vamos dar a vida até o final para sairmos classificado.”

Clique aqui e veja a lista com as últimas notícias do Fluzão!



Por Explosão Tricolor

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE