Mário Bittencourt afirma que Fluminense deve manter a espinha dorsal da equipe para a próxima temporada






Mandatário tricolor admitiu a necessidade de fazer dinheiro com a venda de atletas, mas ressaltou a falta de interesse de clubes europeus

Em entrevista concedida à FluTV, o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, foi questionado sobre a possível perda de jogadores para a próxima temporada. O mandatário tricolor afirmou que o clube das Laranjeiras não recebeu propostas por seus atletas e indicou que a espinha dorsal da equipe deve ser mantida para 2022.

Clique aqui e veja a lista com as últimas notícias do Fluzão!

– A tendência é a gente manter a maioria da espinha. O mercado está muito parado, tanto que o Brasil não fez venda na janela de meio de ano e não há nenhuma movimentação ainda por causa da pandemia. Outro complicador é que a Europa está sem dinheiro, e a gente precisando de dinheiro. Acho que vai ser complicado esse final de ano. E no Brasil, a janela de janeiro é ruim porque eles pagam menos, pois estão em meio de temporada. Mas não teve nenhuma no meio do ano, não recebemos nenhuma proposta. A expectativa é que propostas cheguem em janeiro, mas abaixo do que chegariam, até por ser a janela de janeiro – disse Mário Bittencourt.



Por Explosão Tricolor

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE