Participação na Florida Cup reflete planos ambiciosos do Fluminense nos EUA




A Florida Cup marca a terceira visita do Fluminense à terra da Disney e a segunda delas com o time profissional em pouco mais de um ano e meio. A primeira aconteceu durante a Copa das Confederações de 2013, com uma intertemporada em Orlando. Em 2014, foi a vez do time sub-23 tricolor participar de uma competição envolvendo times da MLS (liga norte-americana de futebol). Por trás da participação no torneio, o Tricolor das Laranjeiras tem planos ambiciosos para a cidade e os Estados Unidos.

Por que Orlando?

– Orlando e região são consideradas áreas de maior potencial para a inserção do Fluminense por já contar com uma numerosa comunidade de brasileiros e latinos, geralmente mais ligados ao futebol. Não à toa, a cidade agora conta com time na MLS, o Orlando City, que terá como líder o meia Kaká em 2015.

O contato:

A proximidade com o mercado americano também se deve ao bom relacionamento entre o gerente de futebol Marcelo Teixeira e Ricardo Villar, o executivo da 2SV Sports, uma das empresas responsáveis pela organização da Florida Cup.

Os objetivos:

– “Fazer parte do torneio e retornar aos EUA é algo muito importante e estamos muito felizes de estar aqui. É uma combinação de uma nova fronteira de futebol na América, não só América do Sul. Os Estados Unidos estão crescendo muito no futebol e acho importante estar atento ao esse mercado”, explicou o presidente do Fluminense, Peter Siemsen, na coletiva de apresentação da Florida Cup, na última quarta.

– O Fluminense busca manter boas relações com times norte-americanos para conseguir novos compradores para os jogadores revelados em Xerém, que frequentemente acabam não sendo aproveitados no time profissional.

– Além de negociar jogadores, o Fluminense também conta com os times americanos para dar rodagem aos seus atletas mais jovens. Foi o caso do lateral direito Igor Julião, por exemplo, emprestado ao Kansas City. Coms 20 anos, ele foi um dos destaques da equipe na última edição da MLS.

Quase aconteceu:

– O Fluminense chegou a ensaiar um passo mais ambicioso para firmar sua presença nos EUA: a compra de um clube norte-americano de pequeno porte, pertencente a uma liga inferior à MLS. Porém, nos últimos estágios de negociação, o acordo acabou não saindo. Com as recentes dificuldades financeiras, no entanto, o plano ficou de lado nas Laranjeiras

O Fluminense encerra sua participação na Florida Cup hoje, enfrentando a equipe do Colônia ás 18:30h, em Jacksonville. O canal Sportv transmitirá ao vivo a partida.

Por Explosão Tricolor/ Fonte: UOL/ Foto: Richard Souza (globo.com)

PUBLICIDADE