Realidade x Fantasia




Foto: Vinicius Toledo / Explosão Tricolor

Utilize o cupom de desconto do Explosão Tricolor no ato da compra → explosaotricolor



É óbvio que quero notícias altamente positivas tomando conta da rotina diária do Fluminense. Isso seria consequência de uma excelente gestão e a certeza de que o clube estaria no caminho certo. No entanto, não há como fugirmos da realidade e, principalmente, fantasiar um mundo da “Alice no País das Maravilhas” nas Laranjeiras. Isso está muito longe de existir. O drama financeiro parece não ter fim e não há sinal algum de que, no mínimo, seja amenizado a curto e médio prazo.   
Mesmo tendo a consciência de que a contratação do Paulo Henrique Ganso é uma aposta de risco pelo fato de ter assinado por cinco anos, achei que a diretoria agiu certo. Eu também apostaria nele. E espero que o novo camisa dez seja a grande liderança técnica do Fluminense de agora em diante. É torcer bastante e colocar fé de que dará muito certo. 
Sobre a realidade do clube, alguns fatos chamam atenção e não há como deixar de mencioná-los. O que ocorreu no Ninho do Urubu, por exemplo, serviu para a TV Globo correr atrás do que ocorre nos Centros de Treinamento dos outros clubes. Horas depois da tragédia, o Jornal Nacional divulgou que o CT do Fluminense não possui alvará de funcionamento. Até o momento, a diretoria tricolor não se pronunciou. 
Além da questão do alvará de funcionamento do CT, foi noticiado que o clube está devendo salários. E que teve até reunião com o elenco. Noticiaram até que o elenco ficou insatisfeito pelo fato da diretoria não aceitar pagar premiação, caso a equipe conquiste a Taça Guanabara.   
Outro assunto que não deve deixar de ser mencionado é a questão do patrocínio. Vem ou não vem? Há algo sendo negociado? Caso não tenha negociação alguma em curso, qual motivo de permitirem que a torcida alimente uma possível falsa esperança? Jogar aberto com o torcedor parece ser o caminho mais correto do que a escancarada política da “Alice no País das Maravilha” que anda sendo realizada das mais variadas formas e com os mais variados objetivos. Isso para não falar sobre as especulações envolvendo um possível retorno do Fred. A frase mais publicada nas últimas semanas foi a seguinte: “Estão deixando a gente sonhar”. Muitos torcedores nem dormiram direito nos últimos dias. Sonhar é bom, mas fugir totalmente da realidade é perigoso. Ainda mais quando envolve paixão. E não se brinca com a paixão de torcedor.  
Há outros assuntos importantes que merecem ser debatidos, mas por hoje é só. No restante, segue o meu apoio incondicional ao Fluminense de forma honesta e transparente, mas sem jamais deixar de assumir publicamente os meus posicionamentos com relação a tudo que ocorre no clube. Ou seja, sempre colocando a cara e assinando o meu nome.
Já dizia o eterno Ricardo Boechat: “Toca o barco”… 
Saudações Tricolores!
Vinicius Toledo

PUBLICIDADE