Globo deixa nas mãos dos clubes e da FERJ decisão sobre transmissão dos jogos do Carioca 2020




Foto: Úrsula Nery / FERJ



Emissora ressaltou que a decisão sobre a transmissão do Carioca cabe aos clubes e à FERJ

Após a Rede Globo anunciar a rescisão do contrato de transmissão do Campeonato Carioca 2020, os clubes correram para viabilizar as próprias transmissões das últimas rodadas da Taça Rio. Uma nota da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ), no entanto, deixou a maior parte dos envolvidos em dúvida. No comunicado, a entidade recomendava aos times não “exercer o direito de transmitir suas partidas”.

Na visão da FERJ, “ainda com a informação, no documento, de que a emissora garante o pagamento integral da cota de 2020”, transmitir os jogos poderia significar uma brecha jurídica para posterior cobrança da emissora, uma vez que ela ainda iria remunerar os clubes pelo torneio.

A fim de obter respostas mais claras sobre o direito de transmitir, a FERJ enviou, nesta sexta-feira (03), uma contra-notificação à Rede Globo.

“A liminar confirma que a nova MP não pode se aplicar a contratos anteriores, mas, infelizmente, no caso do Carioca o direito da Globo à exclusividade já havia sido violado pela transmissão do jogo do entre Flamengo e Boavista. A partir do momento em que não há mais um contrato vigente com a Globo, a decisão da transmissão passa a ser dos clubes com a FERJ, já que ela os representa na venda dos direitos de mídia”, disse a Globo, em nota enviada ao portal UOL Esporte.

A FERJ mantém sua posição de dúvida. Receosa, reforça que segue a recomendação aos clubes.

CONFIRA TAMBÉM:



Por Explosão Tricolor / Fonte: UOL Esporte

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE