“Não está se formando um elenco muito rápido, né?”, questiona Pedrinho sobre as contratações do Fluminense para 2022






Comentarista do SporTV destacou que o Fluminense contratou jogadores que têm pouca mobilidade

Durante a edição desta segunda-feira (20) do programa Seleção SporTV, o comentarista Pedrinho levantou um questionamento sobre a montagem do elenco do Fluminense para 2022. O ex-jogador destacou que o Tricolor vem contratando jogadores que não possuem a velocidade como principal virtude, o que o faz ter dúvidas sobre qual será o modelo de jogo do time das Laranjeiras na próxima temporada.

Clique aqui e veja a lista com as últimas notícias do Fluzão!

– Qual vai ser o modelo de jogo do Fluminense? O que esperar do Fluminense? Fazíamos os jogos do Fluminense e não sabíamos o que iríamos encontrar. A maioria dos jogos sob o comando do Marcão, que, mesmo podendo jogar muito mais, classificou para a Pré-Libertadores. Mas era um time que esperava ser atacado para, de alguma forma, reagir. Pela característica de formação do elenco, não está se formando um elenco muito rápido, né? O Goulart tem pouca mobilidade, é inteligentíssimo, finaliza bem, mas ele precisa que o entorno funcione para que ele jogue. Aí você tem Willian Bigode de 35 anos, mas com uma condição física sensacional. Se quiser encaixar o Fred, precisa que o time funcione bem, que a bola chegue com qualidade para ele – disse Pedrinho.
– Se está formando um elenco com muitos jogadores que precisam muito do entorno, daqui a pouco o entorno não funciona. Mas se são jogadores que entendem o momento, que um jogo vai jogar, outro não, vai aceitar um banco, aceitar a mescla com a categoria de base. Tem jogadores promissores, cara. O Luiz Henrique é muito bom jogador, Gabriel Teixeira, André, Martinelli, John Kennedy… Você vai excluir os meninos? – completou o comentarista.



Por Explosão Tricolor

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE