Caso Gerson: Portal revela detalhes de dívida do Fluminense com uma segunda empresa




Foto: Divulgação

Conforme o Explosão Tricolor noticiou com exclusividade no último sábado, o Fluminense virou réu de mais uma cobrança judicial. Desta vez, a MPI S.à r.l., empresa sediada em Luxemburgo, cobra R$ 4,9 milhões ao Tricolor referente ao seu percentual de direito na venda do meia Gerson a Roma, da Itália, em meados de 2015. A empresa era detentora de 12,5% dos direitos econômicos do atleta.   

Para dificultar ainda mais a situação, os jornalistas Felipe Siqueira e Hector Werlang, ambos do portal Globo Esporte, revelaram nesta terça-feira a existência de uma terceira parte no caso Gerson: a Traffic. A empresa era detentora de 7,5% dos direitos econômicos do jogador e fez um acordo com o Fluminense para receber a sua parte. Pelo combinado, a empresa receberia percentuais das vendas do lateral-esquerdo Ailton e do meia Eduardo ao Estoril, de Portugal. A Traffic ainda tem a receber do Tricolor, mas até o presente momento não ingressou com ação na Justiça.



VEJA AINDA:

Choque de realidade para quem realmente ama o Fluminense (por Vinicius Toledo)

Alvo do América-MG, Reginaldo abre o jogo sobre o seu futuro no Fluminense

Jornalistas trazem detalhes atualizados sobre o caso Diego Souza



Por Explosão Tricolor / Fonte: Globo Esporte

Siga-nos no Twitter e curta nossa página no Facebook

INSCREVA-SE no nosso canal do YouTube e acompanhe os nossos programas!

SEJA PARCEIRO DO EXPLOSÃO TRICOLOR! – Entre em contato através do e-mail: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE