Rubens Lopes se manifesta sobre a possibilidade de a FERJ assumir a administração do Maracanã




Ganhe 5% de desconto na Loja Virtual do Flu! Como? Utilize o código promocional no ato da compra: explosaotricolor



Rubens Lopes confirmou a possibilidade de a entidade assumir a gestão do Maracanã

Em entrevista ao portal “UOL Esporte”, o presidente da Federação de Futebol do Rio de Janeiro (FERJ), Rubens Lopes, se manifestou sobre a chance de a entidade assumir provisoriamente a administração do Maracanã. O mandatário confirmou a possibilidade, mas deixou claro que a FERJ não tem interesse na exploração comercial do complexo, o que deve ser feito pelos grandes clubes do Rio de Janeiro:

– É imprescindível conversa com os quatro grandes e, cito, principalmente o Flamengo, que puxa a fila. Tudo alinhado com o Governo. Defendemos um novo modelo de gestão. E ressalto que a Federação não tem interesse comercial no processo de ganhar dinheiro com cachorro quente, vendas, produtos. Queremos é colocar os clubes lá dentro com custo decente e torcedor no estádio. A Ferj entende como positiva a decisão do Governo, é a vitória do futebol carioca e o objetivo é que o Maracanã dê resultado técnico e financeiro para os clubes e acesso ao torcedor. O resultado líquido do Maracanã é muito pequeno se comparado com as demais arenas de Copa do Mundo. Inadmissível, por exemplo, um clube como o Fluminense levar prejuízo nos jogos – disse Rubens Lopes.

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, estabeleceu uma comissão consultiva para fazer o modelo de gestão provisória e nova licitação do Maracanã a ser fechado até 30 dias.

A permissão de uso será feita por 180 dias que podem ser prolongados por mais um semestre se não sair a licitação. Se a comissão não aceitar as condições nem da FERJ, nem de uma empresa, o governo carioca assume de volta a gestão por meio da SUDERJ.

lique aqui e veja a lista com as últimas notícias do Fluzão!

VEJA AINDA:

+ Qual é a melhor? Confira quatro possíveis escalações do Fluminense para a decisiva partida contra o Antofagasta-CHI

+ Odebrecht cobra prejuízo de R$ 200 milhões do Estado do Rio de Janeiro; confira a nota publicada pela empresa

+ Thiago Neves admite possibilidade de voltar ao Fluminense no futuro



Por Explosão Tricolor / Fonte: UOL Esporte

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE