Saiba quanto os clubes ainda têm a receber da Globo pelo Campeonato Carioca 2020






Apesar da rescisão do contrato de transmissão, a Globo ainda irá desembolsar R$ 19 milhões com o Carioca

Na última quinta-feira (02), a Rede Globo anunciou a rescisão do contrato de transmissão do Campeonato Carioca. Apesar disso, a emissora ainda irá pagar cerca de R$ 19 milhões pela competição. A emissora avisou que desembolsará todo o valor do acertado para essa temporada, inclusive o pendente.

Esse valor corresponde ao restante do que havia sido retido em março, quando o torneio parou por causa da pandemia, e que seria repassado aos clubes somente ao final da competição, conforme acordo realizado em abril. Está incluído nessa quantia os R$ 8 milhões que serão distribuídos com base na colocação final de cada time.

Em março, a Rede Globo reteve cerca de R$ 25,5 milhões do contrato de 2020 dos direitos de transmissão do Carioca depois que o torneio parou por causa da pandemia do novo coronavírus. Em abril, em acordo com clubes também de outros estados que tiveram retenção de valores, a emissora decidiu que pagaria de forma escalonada o que ainda precisava desembolsar pelos torneios estaduais: 10% no ato, 15% quando a bola rolasse e 75% só ao final da competição.

No mês de abril, a Globo liberou cerca de R$ 2,55 milhões aos clubes cariocas e R$ 3,8 milhões deveriam ser pagos assim que o torneio voltou, há duas semanas. Sobraram, portanto, pouco mais de R$ 19 milhões que seriam liberados ao final do torneio e a Globo avisou que pagará mesmo com a rescisão.

O imbróglio envolvendo Globo, FERJ (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro) e clubes começou com a Medida Provisória 984, assinada no dia 18 de junho pelo presidente Jair Bolsonaro, que mudou a Lei Pelé e definiu que o direito de transmissão de um evento esportivo é do mandante desse jogo e não dos dois times que se confrontam, como o texto anterior indicava.

Com isso, o Flamengo, único dos 12 participantes do Campeonato Carioca que não assinou com a Globo para 2020, entendeu que poderia transmitir em seus canais, ou até vender a outra emissora, seus jogos como mandante no restante da competição. A Globo acionou a Justiça para proibir isso, mas não a tempo de evitar que o Rubro-Negro passasse na FlaTV, por redes sociais, sua vitória por 2 a 0 sobre o Boavista, na última quarta-feira (01).

Isso fez com que, no dia seguinte, a Globo decidisse pela rescisão unilateral alegando violação do acordo. O caso ainda deve ter desdobramentos na Justiça, já que os demais clubes e a FERJ contentam a decisão.

O valor total do contrato do Carioca com a Globo pelos direitos de transmissão, que engloba TVs aberta e fechada e pay-per-view era de R$ 120 milhões, mas como o Flamengo não fechou, os R$ 18 milhões que seriam pagos ao clube da Gávea foram abatidos e não redistribuídos entre os participantes.

Fluminense, Botafogo e Vasco têm direito a cerca de R$ 18 milhões cada, enquanto os clubes menores dividem o restante da bolada com base em quantidade de jogos transmitidos e classificação ao final da competição.

CONFIRA TAMBÉM:



Por Explosão Tricolor / Fonte: UOL Esporte

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE