Dirigente revela valor total arrecadado com patrocínios em 2017, quanto o Flu arrecadará em 2018 e explica situações das permutas




A questão dos patrocínios, em especial os pontuais, que o Fluminense conseguiu em 2017 foi um dos assuntos mais debatidos entre os torcedores tricolores e grupos políticos do clube. Diogo Bueno, vice-presidente de Finanças do clube, revelou o valor total arrecadado em 2017 e quanto o Fluminense arrecadará no próximo ano. 

– Em 2017, tivemos R$ 10 milhões em patrocínios. Vai aumentar para R$ 26 milhões em 2018. Isso é trabalho do comercial, da equipe de executivos como um todo. A sinalização de todos os patrocinadores que colocaram dinheiro aqui é de que o retorno foi muito bom. Quem colocou recurso, recebe um tratamento para manter e aumentar a relação. Isso gera outros interessados. Vamos jogar o Torneio da Florida e esperamos expandir a marca e gerar mais receitas. Vai aparecer investidor, até pelo cenário nacional. As nossas receitas gerais hoje são de R$ 220 milhões. Podemos chegar a R$ 300 milhões, facilmente, em 2021. Desde que bem trabalhado. Podemos aumentar com patrocínio, com sócio futebol. Tem de melhor estrutura, um melhor pacote de sócio futebol. Temos algo de 130 mil CPFs diferentes de torcedores que já contribuíram. Temos de resgatar isso. Essa diretoria aqui não vai colocar no orçamento o prêmio de R$ 50 milhões da Copa do Brasil. Só colocamos o que vamos receber mesmo. Só assim não atrasaremos mais salários. Em 2019, o Fluminense de fato começa a crescer de novo – disse Diogo Bueno, que ainda explicou as situações das permutas:



– Tem uma parte que é receita. Entra dinheiro, sim. Outra é permuta. Mas como? Isso teria um custo, mas eu tiro esse custo do meu orçamento. Eu deixei de pagar, então, entrou dinheiro. Se eu deixo de pagar, eu deixo dinheiro no clube. As permutas são custos que o Fluminense incorreria e deixa de incorrer – revelou o dirigente que ainda citou o Centro de Treinamento como exemplo:

– Nós temos a necessidade de investir R$ 13 milhões para terminar as obras. Se uma companhia quiser investir lá, vamos colocar a propriedade lá. Ou com receita ou com permuta – concluiu.

VEJA AINDA:

Fluminense avança em negociação para compra de lateral

Copa do Brasil 2018: Veja o chaveamento do Fluminense para chegar até a fase de oitavas de final

Curtinhas: Fluminense de olho em transferências de ex-tricolores para gigantes europeus, proposta por lateral, situação do Edson e muito mais. Confira!

Marquinhos Calazans presta queixa na delegacia

Por Explosão Tricolor / Fonte: Globo Esporte / Foto: Divulgação / Fluminense FC

Siga-nos no Twitter e curta nossa página no Facebook

INSCREVA-SE no nosso canal do YouTube e acompanhe os nossos programas!

SEJA PARCEIRO DO EXPLOSÃO TRICOLOR! – Entre em contato através do e-mail: explosao.tricolor@gmail.com

PUBLICIDADE