Pedro Abad estuda antecipar eleições no Fluminense, diz jornalista




Ganhe 5% de desconto na Loja Virtual do Flu! Como? Utilize o código promocional no ato da compra: explosaotricolor



Pedro Abad pode propor a antecipação das eleições de 2019

Desgastado, o presidente Pedro Abad cogita deixar a presidência do Fluminense. No entanto, o mandatário não quer renunciar. De acordo com o jornalista Rafael Oliveira, do jornal “O Globo”, o dirigente estuda antecipar as eleições no clube das Laranjeiras.

Pressionado no comando do Fluminense, o presidente tricolor passou a ouvir outras pessoas, inclusive gente que não faz parte da Flusócio, seu grupo político. Desabafa, pede conselhos, escuta sugestões. Numa encruzilhada, ele já cogita deixar o posto. Por outro lado, não quer renunciar.

Em 12 de abril passado, o grupo Unido e Forte desembarcou da coalizão que elegeu Pedro Abad. Os vices-presidentes ligados ao grupo, entre eles o vice-geral Cacá Cardoso, renunciaram aos seus postos em seguida. A relação entre os dois lados já estava insustentável. Na visão da Flusócio, o Unido e Forte liderava a campanha pela renúncia ambicionando ocupar a cadeira presidencial. Ao verem o plano emperrar, mudaram de lado.



Para Pedro Abad, para seus apoiadores e até para parte da oposição, a tentativa do grupo Unido e Forte em retomar o poder voltou. Só que, desta vez, não através da figura de Cardoso, mas de Fernando Leite, advogado criminalista e presidente do Conselho Deliberativo. Ele é visto como aliado do Unido e Forte. E, como não há um vice-geral, é quem assume interinamente, caso o mandatário renuncie.



Há pessoas temerosas de que Leite não convoque novas eleições em até 45 dias (o que deveria ocorrer na interpretação da maioria dos conselheiros) e fique no comando até o fim de 2019, quando há novo pleito. Ele nega, mas se diz preparado, caso o chamado ocorra.

– Sou uma pessoa que tem uma certa experiência de vida. Sendo o primeiro na linha sucessória e instado a ter que assumir, você acha que seria irresponsável ao ponto de não ter pelo menos equipe e estratégia para tentar começar a tirar o Fluminense do problema em que se encontra? Isso aí eu tenho – disse Fernando Leite.

Dica de presente Natal: camisas retrôs do Fluminense de 1952, 1964 e 1976; leitor do Explosão Tricolor tem desconto!

Desta forma, a alternativa que se anuncia como mais viável é a convocação de uma assembleia geral para propor a antecipação das eleições de novembro de 2019. Se aprovado, o pleito seria realizado em seguida. Pedro Abad estuda esta possibilidade, e já conta com o apoio até da oposição não ligada ao Unido e Forte, como Mário Bittencourt.

– Para o Fluminense, seria muito salutar uma antecipação das eleições. Não uma eleição e depois uma outra. Porque o clube não vai resistir ter dois embates no mesmo ano – disse Mário Bittencourt, em evento realizado na última quinta-feira.

Clique aqui para seguir o Explosão Tricolor no Instagram!

Clique aqui para realizar sua inscrição no canal do Explosão Tricolor no YouTube!



VEJA AINDA:

Fluminense negocia a contratação do artilheiro da Série C

Jornal português noticia interesse do Fluminense em zagueiro do Arouca-POR

Por Explosão Tricolor

Siga-nos no Twitter e curta nossa página no Facebook

E-mail para contato: explosao.tricolor@gmail.com 

PUBLICIDADE